Programa facilita o acesso de agricultores familiares à energia solar


A agricultura familiar é importante no desenvolvimento sustentável do Brasil, por isso, o programa Mais Alimentos, do Ministério do Desenvolvimento Agrário, vai facilitar a produção de energia limpa e sustentável por pequenos produtores rurais. Sobre o assunto, o Brasil Rural conversou com o diretor do Mais Alimentos, Lucas Ramalho.

O objetivo é facilitar o financiamento de equipamentos de geração de energia solar para agricultores familiares, já que estes são equipamentos de alta tecnologia e muitas vezes não são acessíveis. Pelo programa, os produtores podem adquirir esses produtos com preço abaixo do preço de mercado, taxas de juros negativas e com um prazo de até 10 anos para pagar.

“É bom para as indústrias, que conseguem vender seus produtos com uma linha de crédito subsidiada pelo governo, é bom pros agricultores, que conseguem adquirir esses equipamentos a um preço abaixo do de mercado, facilitando a aquisição deles, e ganha o Brasil inteiro, porque melhora sua matriz energética com uma base mais limpa na sua produção de energia”, explica o diretor.

Ele explica ainda que a energia gerada pelas células fotovoltaicas pode gerar energia para mover uma bomba d'água que irriga uma pequena horta, um pomar e gerar energia para a casa, entre muitas outras aplicações. Os equipamentos têm vida útil de aproximadamente 25 anos, e com juros menores, o investimento deve se pagar em poucos anos.

Os agricultores interessados em adquirir esses equipamentos devem acessar o site do programa Mais Alimentos onde estão cadastrados todos os produtos financiados pelo programa.

Postar um comentário

0 Comentários