Engenheiro propõe abastecer o Japão inteiro com energia gerada por tufões


Conhece aquele velho conselho de fazer do limão uma limonada? Pois bem! Que a área geográfica do Japão não é a mais abençoada do mundo a gente já está cansado de saber, mas isso não é problema para os japoneses, que usam as dificuldades como estímulo para inovar cada vez mais. 

Exemplo disso é o engenheiro Atsushi Shimizu, que pretende transformar os tufões, desastres naturais relativamente comuns no país, em uma alternativa de energia limpa. Como? Simples! Por meio de uma usina eólica especial, capaz de suportar um ciclone tropical e transformar todo o vento que produz em energia elétrica para a população.

Segundo o Laboratório de Oceanografia e Meteorologia do Atlântico, a energia cinética produzida por um tufão equivale a metade da capacidade de geração de energia elétrica do mundo todo. De acordo com as pesquisas de Shimizu, a energia de apenas um tufão poderia abastecer o Japão inteiro por 50 anos.

Já pensou? Pois o engenheiro pensa nisso todos os dias, desde 2013, quando começou a trabalhar no “modelo de turbina eólica perfeita” para sua usina. Afinal, a estrutura precisa ser bastante resistente e, claro, eficiente. Curioso para saber as cenas dos próximos capítulos dessa história? Acompanhe a evolução da Challenergy, empresa criada por Shimizu para colocar sua ideia em prática.


Postar um comentário

0 Comentários