Energias renováveis criam 8,1 milhões de novos empregos em 2015

Embora o crescimento do emprego no mundo tenha decrescido, o mercado de trabalho gerado em torno das energias renováveis continuou a aumentar. Os países com maior número de empregos em energia renovável foram a China, Brasil, Estados Unidos, Índia, Japão e Alemanha.
Foto: DINO

O mercado, conhecido como Solar PV (energia solar fotovoltaica) foi o maior empregador na área de energias renováveis com 2,8 milhões de empregos no mundo, com um aumento de 11% em relação a 2014. O emprego de PV solar cresceu no Brasil, Japão, Estados Unidos, estabilizou-se na China e continuou diminuindo na União Europeia.

A Enerray do Brasil, empresa especializada em energia fotovoltaica, subsidiária da SECI Energia da Itália (Gruppo Industriale Maccaferri), tem contribuído para o crescimento dos números no Brasil e em outros países do mundo. Ela está construindo duas obras no interior da Bahia, que juntas irão gerar mais de 350 GWp e uma produção anual está estimada em 700 GWh. 

A maior delas está em uma área de 550 hectares e já foram cravadas aproximadamente 130.000 estacas de fixação dos 550.000 painéis fotovoltaicos o que significa a instalação de aproximadamente 170 MWp. Estão sendo criados aproximadamente 1.500 empregos diretos e indiretos diretamente durante a construção. Só no canteiro de obras, estão alojadas 250 pessoas e são servidas mais de 2.500 refeições por dia.

Postar um comentário

0 Comentários