Maior termelétrica do Brasil que produz energia com lixo pode abastecer uma cidade de 200 mil habitantes

Na cidade de Caieiras, em São Paulo cerca de oito mil toneladas de resíduos urbanos e industriais são levados até a Central de Tratamento e Valorização Ambiental todo dia. É a partir de todo esse lixo que a Termoverde Caieiras, maior termelétrica a biogás de aterro sanitário do Brasil, produz energia.


Com 15 mil metros quadrados e potência instalada de 29,5 megawatts, a usina gera energia suficiente para abastecer uma cidade de 200 mil habitantes. O empreendimento começou a ser construído em 2014, com um investimento de mais de R$ 100 milhões do Grupo Solví, e em julho de 2016 recebeu a autorização da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) para começar a operar.

Com a termelétrica, pode evitar que o metano – um dos gases do efeito estufa – seja liberado na atmosfera, prejudicando o meio ambiente. Segundo a Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais), o Brasil tem potencial de gerar 1,3 GW de energia elétrica a partir dos resíduos sólidos urbanos. Esse total é equivalente a um fornecimento adicional de 932 mil MWh/mês, o suficiente para abastecer 6 milhões de residências.

Postar um comentário

0 Comentários