Shell adquire participação em desenvolvedora e operadora americana de energia solar


Fechamento da operação deve acontecer no primeiro trimestre deste ano

Em comunicado divulgado na segunda-feira (15), a Shell anunciou a assinatura de um acordo para comprar uma participação de 43,83% do capital social da Silicon Ranch Corporation, que pertence aos fundos de investimentos administrados pelo Partners Group. A Silicon Ranch é uma desenvolvedora e operadora norte-americana de plantas de energia solar baseada em Nashville, Tennessee.

O valor que será pago gira em torno de US$ 193 milhões a US$ 217 milhões. Um acordo separado com a Silicon Ranch dará à Shell a possibilidade de aumentar sua participação após 2021. Segundo a petroleira, o fechamento da transação deve acontecer no primeiro trimestre deste ano.

O interesse da Shell na Silicon Ranch inclui ainda um conjunto de, aproximadamente, 880 megawatts (MW) de projetos em operação ou contratados.

Este investimento faz parte do portfólio da Shell’s New Energies (“Novas Energias da Shell”), que prioriza a geração e o armazenamento de fontes energéticas com baixa emissão de carbono.

Na nota emitida pela Shell, o vice-presidente da empresa para energia solar, Marc van Gerven, afirmou que a parceria com a Silicon Ranch contempla a estratégia da empresa de investir em novas energias.

“Com esta entrada no setor solar de rápido crescimento, a Shell é capaz de alavancar sua expertise como um dos três principais vendedores de energia por atacado nos Estados Unidos, ao mesmo tempo em que expande sua pegada global em novas energias”, explicou.

A transação depende da aprovação de alguns órgãos reguladores. Além disso, o ideal está sujeito a algumas metas para ser concluído e que não foram divulgadas pela Shell.

Fonte: Lexis 360°

Comentários