Companhia de energia de Helsinque se tornará completamente neutra em emissão de carbono


Na busca pela neutralidade de carbono, a cidade de Helsinque, na Finlândia, anunciou seus planos de ação para minimizar as emissões de gases do efeito estufa até 2035. A empresa de energia Helen Ltd, responsável pela calefação, energia e refrigeração distrital, tem como objetivo aumentar essa política, convertendo seus processos de produção de energia, em grande parte, de carvão e gás natural, em produção de energia neutra em relação ao clima, eliminando totalmente as emissões de dióxido de carbono até 2050.

A tarefa imediata da empresa é utilizar a produção de energia baseada em biomassa para garantir o fornecimento suficiente de energia térmica, especialmente porque a demanda por energia no inverno excede a do verão em quase dez vezes. Além disso, a Helen fechará sua usina Hanasaari, em grande parte alimentada por carvão, e desenvolverá as modificações para as novas usinas. As soluções a longo prazo envolvem reciclagem de energia, maior utilização de energia renovável produzida localmente e armazenamento de energia.

Aproveitando o calor contido em águas residuais purificadas, Helen é capaz de recuperar e produzir calor distrital na maior fábrica do mundo na Finlândia. Da mesma forma, esse princípio de reciclagem de energia é usado para capturar o calor excedente produzido pela radiação solar de centros de dados e propriedades para fornecer resfriamento ao distrito. As bombas de calor são responsáveis por produzir mais de 90% do resfriamento do distrito de Helsinque, demonstrando o potencial da tecnologia.


Aclamada como "a primeira do tipo" no armazenamento sazonal de energia, a antiga instalação de armazenamento de combustível Kruunuvuorenranta será convertida para armazenar água quente e morna em momentos de necessidade. Isso permite que os consumidores diminuam ou transfiram seu uso de eletricidade para períodos fora de pico. Rauno Tolonen, gerente de clima e eficiência energética da Helen, comenta: "Essas instalações de armazenamento são uma metáfora tangível de nossa transição de combustíveis fósseis para fontes de energia renováveis".

Outras estratégias, como as estações de recarga de carros elétricos, permitem que os proprietários de veículos elétricos transfiram energia à rede para armazenamento posterior, essencialmente fazendo com que os consumidores produzam energia. Em Helsinque, com o objetivo de satisfazer 15% da demanda de energia da cidade com a energia solar produzida por painéis solares instalados nas coberturas, bem como a pesquisa em andamento da Helen para possíveis pontos geotérmicos, há um desenvolvimento significativo para novas inovações.

Juntamente com as medidas tomadas pela empresa para estabelecer práticas sustentáveis envolvendo os produtores e os consumidores, a Finlândia pode atingir seu objetivo de se tornar neutra em carbono em um futuro próximo. Como Tolonen observa, "estamos em uma corrida contra o tempo para cumprir nossos compromissos climáticos".

Fonte: Cidade de Helsinque

Postar um comentário

0 Comentários