Dicas para economizar energia com sua geladeira


Tempo de calor também é tempo de economia. Com o aumento das temperaturas nesta época do ano, as geladeiras passam a consumir, em média, 25% a 30% do consumo de energia elétrica de uma residência, isto se deve pelo fato de ser um aparelho eletrodoméstico de uso contínuo, sem ser desligado em nenhum momento.

5 Dicas Gerais

Segundo uma pesquisa divulgada pelo IDEC (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor), com base em dados da Eletrobrás e do Inmetro, a geladeira é um dos eletrodomésticos que mais consomem energia nas residências, podendo chegar a um gasto de 56,88 kWh por mês, uma quantia considerada alta em relação a outros aparelhos. 

Apesar dos novos modelos já serem considerados mais eficientes, bons hábitos de uso desse equipamento ajudam a não permitir um gasto de energia maior que o necessário. A Cenergel preparou dicas para você economizar. Confira:



  • Compre geladeiras com Selo Procel
A primeira dica para se garantir economia na conta de luz é sempre comprar eletrodomésticos com o selo Procel, selo que garante a eficiência energética dos aparelhos. O selo classifica os produtos como “A” para mais eficientes e “E” para aparelhos menos eficientes. Os modelos antigos de geladeira consomem mais, de acordo com a Aneel, cerca de 150 kWh por mês. Já os refrigeradores mais modernos, são mais eficientes e contribuem para o consumo sustentável de energia e a economia na conta de luz.

  • Evite abrir a porta da geladeira quando não houver necessidade
Esta é uma das principais causas do aumento do consumo de energia dos refrigeradores. Todas as vezes que a porta da geladeira é aberta, o ar quente entra e o ar frio sai, iniciando novamente o processo de refrigeração do aparelho, que deve aumentar sua potência para manter a temperatura ideal, gastando mais energia.

  • Não utilize a parte traseira para secar roupas
A prática dessa atividade que ainda é bastante comum, sobrecarrega o motor do refrigerador, aumentando o consumo de energia, e além disso, o contato das peças molhadas com a grade também aumenta o risco de choques.

  • Não coloque alimentos quentes na geladeira
Guardar alimentos quentes na geladeira também aumenta o consumo de energia, pois faz com que o refrigerador tenha que trabalhar mais. Por isso, é melhor esfriar a comida em temperatura ambiente antes de colocá-la na geladeira.

  • Mantenha alimentos quentes fora
Colocar alimentos quentes dentro de sua geladeira vai fazê-la trabalhar mais. Também aumenta as chances de crescimento de bactérias nos alimentos. Por isso é melhor para esfriar a comida à temperatura ambiente antes de colocá-la na geladeira.

  • Não forre as prateleiras
É imprescindível a circulação de ar na geladeira para que esta possa refrigerar os alimentos. Se as prateleiras forem forradas, a circulação de ar no aparelho é dificultada, forçando um aumento no consumo de energia.

  • Descongele o refrigerador
Limpar e fazer o degelo regularmente como recomenda o fabricante é outra medida que ajuda a reduzir o consumo de energia. O excesso de gelo reduz significativamente a eficiência energética do aparelho. Descongele seu refrigerador quando o gelo interno ficar visível.

  • Descongele os alimentos na própria geladeira
Vai utilizar alguns dos ingredientes congelados para o jantar de amanhã? Coloque-os na geladeira hoje, e deixe-os descongelar lentamente. Além de diminuir o trabalho da geladeira, a comida lentamente descongelada terá melhor sabor.

  • Verifique o estado das borrachas de vedação
A verificação e manutenção da borracha da geladeira também deve ser notada. Para saber se há a necessidade de troca das borrachas de vedação, basta fazer o seguinte teste: colocar uma folha de papel e fechar a porta do refrigerador, se a folha ficar presa a borracha, a vedação está correta, se cair, a borracha não está com a vedação adequada, o que provoca um maior consumo de eletricidade.

  • Poeira acumulada nas serpentinas de resfriamento
As bobinas na parte de trás do refrigerador são as responsáveis por dissipar o calor interno do aparelho. Se elas estiverem muito empoeiradas, elas vão ser menos eficientes na condução de calor, tornando o trabalho da geladeira ou freezer menos eficiente. Certifique-se de não danificar ou dobrar as bobinas enquanto as limpas, isso vai torná-los menos eficientes.

  • Use uma lâmpada eficiente
Normalmente as lâmpadas que veem nas geladeiras são lâmpadas incandescentes, que produzem muito mais calor do que luz. As lâmpadas de LED são ideais para utilizar na geladeira.

“Uma geladeira comum gasta, em média, o equivalente a R$ 21,00 mês de energia elétrica, por isso a importância de trocar aparelhos antigos por aparelhos novos e dar preferência pelos aparelhos com selo Procel categoria A, além de mantê-los em locais arejados e longe de outras fontes de aquecimento, como fogão.”

  • Coloque-a longe das paredes mais quentes
Paredes externas refletem mais a temperatura da região onde você está. Em regiões quentes, elas serão as mais quentes da casa e vice-versa. Então se estiver em uma região fria, prefira colocar a geladeira próxima a uma parede externa, já se estiver em uma região mais quente, coloque a geladeira distante destas paredes.

  • Evite fogões e aquecedores de água
Tente colocar sua geladeira longe de qualquer coisa que irá irradiar calor.

  • Dê-lhe um pouco de ar
Permita um fluxo de ar em volta do aparelho, isso ajuda no transporte do calor para longe do aparelho. Isto é especialmente importante para as bobinas na parte de trás, o ar que aquece tem que ser substituído por um ar mais fresco, ou seu aparelho estará trabalhando duro e o desperdício de energia será maior.

  • Use recipientes de vidro ou de cerâmica
Vidro e cerâmica mantém uma temperatura mais estável do que, por exemplo, recipientes de plástico. Evitando aumento rápido de temperatura quando retirados e recolocados no aparelho.

  • Cubra líquidos e embrulhe alimentos
Alimentos e líquidos descobertos vão liberar umidade, tornando mais difícil o trabalho do refrigerador.

  • Não regule a geladeira para uma temperatura muito baixa
A temperatura ideal é de 2 a 4 graus para o compartimento de alimentos frescos e -15 graus para o congelador.

  • Desligue a geladeira durante as férias
Vai viajar por um longo período? Esvazie, desligue e limpe a geladeira, certificando-se de deixar a geladeira aberta quando estiver desligada para evitar o aparecimento de mofo e mal cheiro.

  • Evite mais de um aparelho
Um equipamento de maior tamanho é energeticamente mais eficiente do que dois menores.

  • Evite os modelos de portas paralelas
Prefira os modelos com congelador e refrigeração na vertical, isto é, um em cima do outro. Eles usam de 7 a 13% menos energia do que os modelos lado a lado.

  • Evite os modelos com dispensers de gelo na porta
Estes dispensers são grandes desperdiçadores de energia.

  • Geladeira vazia consome mais energia
Pode parecer estranho, mas quanto mais vazia a geladeira, maior seu consumo de energia. Isto porque quando abrimos a porta de uma geladeira vazia, o ar quente entra rapidamente e toma todo o espaço interno, fazendo com que o equipamento tenha que trabalhar mais para resfriá-la novamente.

Em resumo, compre um equipamento adequado para o tamanho da sua família.

Outras DICAS:


Postar um comentário

0 Comentários