Dicas para remodelações amigas do ambiente


Felizmente, é possível tomar medidas para fazer remodelações amigas do ambiente. Veja as nossas dicas e poupe ainda dinheiro.

Remodelar uma casa pode dar-lhe um início fresco e saudável, até que comece a preocupar-se com questões como o impacto ambiental dos materiais comprados ou os desperdiçados, das novas toxinas introduzidas, e muito mais.

Planeie as suas remodelações amigas do ambiente

Durante a fase de planeamento é a altura ideal para se começar a pensar sobre os aspetos ambientais da sua remodelação. Considere o ambiente quando for contratar profissionais, decidir o que vai fazer com os materiais demolidos, e durante a escolha dos novos materiais.

Contratar profissionais amigos do ambiente

Se a sua remodelação é uma obra séria, como refazer uma cozinha ou acrescentar um quarto à casa, provavelmente vai contratar uma série de profissionais, como um arquiteto para projetar o projeto, um engenheiro para rever os planos, e um empreiteiro para gerir a construção.

Contratar os profissionais certos é a sua primeira oportunidade de fazer escolhas amigas do ambiente. Comece por perguntar a vizinhos e amigos, e por pesquisar na internet quais os profissionais que se destacam pela experiência em remodelações amigas do ambiente. Quando os encontrar, peça exemplos de trabalhos e peça para explicarem o que fazem em especial nas suas remodelações que as tornem amigas do ambiente. Para além de tudo isto, os profissionais saberão mais sobre a toxicidade e a sustentabilidade de determinados produtos, bem como a forma de tirar o maior proveito da luz natural e do calor, reduzindo assim o consumo.


Pense nos materiais demolidos

Enquanto está a planear como demolir o que tem, pense no que irá fazer com esses materiais. Quanto menos desprestígio, melhor. Considere se consegue reutilizar ou reaproveitar alguns materiais antigos. Além disso, descubra se é possível vender ou doar os materiais utilizáveis.

A escolha dos materiais. A fase de planeamento é também quando você vai decidir os materiais que deseja usar. Procure produtos certificados. Todos os produtos certificados são submetidos a procedimentos de certificação rigorosos para testar o impacto ambiental.

Veja também os melhores substitutos amigos do ambiente, muitos dos quais irão ser mais baratos que os seus concorrentes menos amigos do ambiente. Por exemplo:
  • Linóleo, em vez de vinilo. Segundo a Greenpeace, o vinil é o plástico mais prejudicial para o ambiente, e é feito com substâncias que podem contribuir para problemas de saúde graves. O verdadeiro linóleo, é feito a partir de óleo de linhaça, e é uma escolha melhor.
  • Poucas ou nenhumas tintas com VOC. As tintas regulares libertam compostos orgânicos (VOC), mas as tintas sem VOC estão agora disponíveis.
  • Bambu, cortiça ou madeira recuperadas em vez de carpetes ou madeira. As carpetes são uma particularmente má escolha porque emitem muitos VOCs. Se quiser ter uma carpete, procuro produtos certificados. Considere opções Eco-Friendly como a utilização de cortiça e bambu, sendo que ambos crescem rapidamente, os custos serão mais acessíveis.

Considerações especiais, projeto a projeto

Aqui seguem alguns dos projetos de remodelações mais comuns, juntamente com alguns conselhos específicos sobre o que pode fazer para torná-los Eco-Friendly.

Remodelação de uma cozinha

As cozinhas estão no topo da lista das remodelações da maioria das pessoas. Se está a remodelar a sua, aqui estão algumas ideias para torná-la mais Eco-Friendly:
  • Escolha aparelhos com classificação da Energy Star, que usarão menos energia e muitas vezes não custam mais.
  • Coloque armários livres de formaldeído para evitar a libertação de toxinas ambientais. Melhor ainda, seria você escolher o tipo de madeira baseado na certificação FSC para um material mais Eco-Friendly.
  • Instale alternativas ao granito, como: bancadas com conteúdo reciclado, incorporando vidro, papel ou cortiça.
  • Obtenha um filtrador de água em vez de comprar água engarrafada.
  • Tire proveito da luz natural, com janelas bem colocadas.
  • Mantenha a geladeira fora da luz solar e longe do fogão, para evitar aquecer desnecessariamente e ter de trabalhar mais.

Remodelação de uma casa de banho

As casas de banho são outro lugar que fica nos topos das listas de remodelações. Aqui ficam algumas dicas Eco-Friendly:
  • Substitua as sanitas por modelos de baixo fluxo.
  • Instale azulejos feitos de material reciclado.
  • Use cabeças de alta pressão no chuveiro, para evitar usar muita água.

Construção de um novo espaço

Se está a adicionar um novo espaço à sua casa, preste atenção a estas dicas Eco-Friendly:
  • Não construa mais do que precisa. Consumir e cobrir o menos possível de terra é sempre amigo do ambiente.
  • Instale ventiladores de teto para manter o ar quente em baixo no Inverno e para fornecer ar fresco no Verão.
  • Instale isolamento nas paredes para evitar a transferência de calor.
  • Coloque estrategicamente janelas e saliências para aproveitar o calor do Sol.

Considere as remodelações Eco-Friendly, visto que permitem ajudar a reduzir o impacto ambiental e ao mesmo tempo a poupar dinheiro.

Postar um comentário

0 Comentários