Dispositivo transforma fezes em gás de cozinha para populações de baixa renda


Usar o banheiro pode parecer a coisa mais natural do mundo, mas para algumas pessoas isso é um verdadeiro luxo.

Era essa a realidade da população de Jalpatagua, na Guatemala. As pessoas da comunidade eram obrigadas a fazer suas necessidades na mata, mas tudo mudou após a implantação de um dispositivo inovador, de acordo com informações do Ciclo Vivo.


O sistema HomeBiogas foi desenvolvido através de uma cooperação entre os governos guatemalteco e israelense. Trata-se de um sanitário semelhante ao utilizado em embarcações, que usa uma válvula para bombear água. O diferencial, no entanto, é o que acontece depois disso. O aparelho transforma resíduos orgânicos, incluindo fezes humanas, em gás de cozinha.


Com isso, resolvem-se dois problemas: há uma melhoria no saneamento básico e a população ganha comodidade ao cozinhar com um fogão a gás, visto que não necessita mais colher lenha para aquecer os alimentos. Além disso, a saúde da comunidade é preservada, visto que não é inalada mais a fumaça oriunda da queima de madeira, considerada tóxica.


Felizmente, não é só na Guatemala que o equipamento vem sendo usado. Ele já melhora a vida de pessoas em mais de 90 países, incluindo o Brasil. Entretanto, o custo de instalação do sistema ainda impede que seu uso doméstico ganhe escala. Cada HomeBiogas sai por R$ 6.900 no Brasil, para mais contato: EcoAmbiental.EngAmb@gmail.com.








Postar um comentário

0 Comentários