Alguns pontos de ônibus em SP já utilizam placas de energia solar


A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU/SP) instalou este ano placas solares para captação de energia solar em pontos de ônibus do Corredor Biléo Soares, na região metropolitana de Campinas.

Hoje já são no total quatorze pontos de ônibus que já possuem placas solares instaladas. E o objetivo da empresa é em breve ter vinte pontos. A EMTU/SP foi pioneira ao implantar a tecnologia solar em pontos de ônibus em São Paulo. A empresa pretende usar a energia solar em mais empreendimentos já que isso faz parte da política de sustentabilidade e meio ambiente da empresa.

Para que este projeto funcionasse, foi feito um estudo que começou há três anos e os primeiros testes foram feitos somente no primeiro semestre deste ano. Segundo o engenheiro elétrico responsável, os sistemas das paradas de ônibus são parecidos com os utilizados em residências. A tecnologia solar instalada nos pontos de ônibus é conectada com a rede de energia da CPFL, com isso, gera um crédito em energia para o Estado e este pode ser utilizado nas próprias paradas e também em outros equipamentos metropolitanos.

O preço da instalação é cerca de R$ 6,7 mil por ponto, porém, há uma perspectiva de recuperação do investimento em até três anos e um mês. A empresa afirma que, atualmente, produz mais energia do que utiliza, de forma gratuita.

Postar um comentário

0 Comentários