Grupo Interalli obtém aprovação para projeto fotovoltaico de 540MW no Brasil

O projeto será desenvolvido em uma área de 2.100 hectares, perto da cidade de Brasileira, no estado do Piauí. Imagem: Flickr / Alan Levine

A produtora brasileira de energia e empresa portuária, Grupo Interalli, recebeu aprovação do governo da Secretaria de Estado do Meio Ambiente do Piauí (SEMAR) para o desenvolvimento do Complexo Fotovoltaico de Marangatu - um parque solar de 540MW.

O projeto será desenvolvido em uma área de 2.100 hectares, perto da cidade de Brasileira, no estado do Piauí. Espera-se que o trabalho no site comece no segundo semestre de 2019.

Fabrício Slavieiro Fumagalli, CEO do Grupo Interalli, observou que o desenvolvimento de um projeto fotovoltaico dessa magnitude é positivo para o Piauí como um todo.

Fumagalli observou: "Estamos apostando na geração de energia limpa, emprego e renda no Piauí. O Complexo de Marangatu será instalado em uma área com altos níveis de radiação solar e contribuirá para atender à crescente demanda energética do país".

O Piauí tem sido o local de vários projetos fotovoltaicos em grande escala no último ano. Em outubro de 2018, a Enel Green Power iniciou a construção do parque solar de 475MW São Gonçalo em São Gonçalo do Gurguéia. Na época, a empresa era listada como a maior instalação de energia fotovoltaica atualmente em construção na América do Sul.

Postar um comentário

0 Comentários