O maior Parque Solar do mundo será construído no Piauí


Maior empresa privada do setor elétrico no Brasil, a ENEL Green Power tem projetos para produção e exploração de energias renováveis no Piauí, nos municípios de São Gonçalo do Gurguéia e Lagoa do Barro. O investimento total previsto é de cerca de R$ 1 bilhão.

Segundo Lucile Moura, assessora para assuntos estratégicos do Governo, a empresa já tem licença ambiental, licença de instalação e já tem canteiro de obra sendo instalado.

“É um parque que vai gerar 476 megawats de energia, distribuído em nove subparques”, diz Lucile, citando que a empresa tem uma política de implantação de parques solares em que aproveitam o leilão para expandir a capacidade de geração, exatamente, para vender para o mercado.

No Piauí, eles vão ampliar para 878 megawatts, sendo que 476 MW é para atender o que foi contratado no leilão e vão gerar também 402 MW para vender.

A meta é produzir mais de 1,3 GW de Projetos de Geração de Energia Renovável no Estado nas duas cidades, num investimento de cerca de R$ 1 bilhão.
“Será o maior parque solar do mundo, em São Gonçalo do Gurguéia”, afirma Lucile.
Em São Gonçalo, todo o parque terá 13 subparques, sendo 9 para atender ao contrato decorrente do leilão, com data e prazo definidos para entrega; e 4 subparques, cuja produção será comercializada.
“Somados os treze, vai somar 878 Megawatts de energia”, explica.
A Enel Green Power é uma subsidiária do Grupo Enel. A empresa possui no Brasil uma capacidade instalada total de mais de 2,9 GW provenientes de fontes renováveis.

Desses, 842 MW são de energia eólica, 820 MW de energia solar fotovoltaica e 1.269 MW de energia hídrica.

Além disso, a empresa tem também mais de 1 GW em execução no Brasil. Uma capacidade de geração obtida nos leilões de 2017.

Postar um comentário

0 Comentários