A instalação dos painéis começa no Parque Solar Guañizuil II, na Argentina


O projeto Guañizuil II, o Scatec e Equinor norueguês, foi premiado com um 20-year PPA na segunda fase da terceira rodada (Round 2) Programa de Argentina para projetos de energia solar e de grande escala renovável de energia renovável.

Os contêineres chegaram com os 349.440 painéis que o Parque Solar Guañizuil II A terá em San Juan. O projeto irá fornecer eletricidade para 70 mil casas graças a Energia do Sol.

O projeto Guañizuil II recebeu um PPA de 20 anos na segunda fase da terceira rodada (2ª rodada) do programa argentino RenovAr para projetos de energia solar e renovável em larga escala . O projeto está localizado na província de San Juan, junto com três outros projetos selecionados na mesma fase da rodada, e venderá eletricidade para a Companhia Administradora do Mercado Atacadista de Energia Elétrica (CAMMESA) por 20 anos a um preço de US$ 50 / MWh. .

O projeto de 117 MW foi adquirida pelo consórcio norueguês nn desenvolvedor solares Scatec Solar e grupo petrolífero Equinor (anteriormente conhecida como a Statoil) em junho de 2018. O vendedor foi a empresa Português Martifer Renewables energia renovável, SGPS, SA. Os termos econômicos da transação não foram divulgados.

A Scatec informou que a conclusão da planta está prevista para o final de 2019. O projeto será detido 50% pela Scatec e 50% pela Equinor. O investimento para o projeto é estimado em cerca de US$ 95 milhões. O projeto está sendo financiado em 40% com capital próprio pelas duas empresas, que contribuirão com 50% cada, e 60% com um empréstimo-ponte do mesmo grupo Equinor. Quando a instalação estiver concluída, espera-se que um financiamento de longo prazo venha de outra entidade.

Comentários