Universidade Nacional de Hurlingham, na Argentina, realiza projeto híbrido eólico-solar

A instalação fotovoltaica terá uma potência de 10 kW e será integrada a uma mini turbina eólica de 1kW.

Imagem: UNAHUR

Universidade Nacional de Hurlingham (UNAHUR), que está localizado na cidade de Hurlingham, Argentina, na província de Buenos Aires, anunciou ter recebido o equipamento necessário para a construção de um projeto híbrido do vento solar.

"Ele consiste de 40 painéis solares, 40 otimizadores de energia, um inversor trifásico inteligente, triângulos de alumínio para assentamento e blocos de concreto para fixação na área de instalação", disse a instituição em um comunicado.

A instalação fotovoltaica, que terá potência de 10 kW, abastecerá os laboratórios do prédio N ° 1 Malvinas Argentinas da universidade. "Além da instalação do sistema de geração de energia fotovoltaica, incorporando uma esperada gerador de vento de, pelo menos, 1 kW para formar um fornecimento híbrido (solar e eólica), ao mesmo tempo, ele é usado para para alimentar carregadores de celular para a comunidade universitária, entre outras aplicações ", acrescentou a UNAHUR.

Postar um comentário

0 Comentários