Curtiss revela nova moto elétrica "V8", com 217 cv, que chega nos EUA em 2020

Além da boa potência, a proposta da novidade é o conforto e o visual rebelde, com inspiração numa moto de competição de 1907 que chegou aos 218 km/h.

Moto elétrica da Curtiss une a tendência dos automóveis com ares rebeldes e essência recordista 

A Curtiss, empresa norte-americana de motocicletas fora-de-série, revelou imagens da nova Zeus V8, com desenvolvimento que se iniciou no ano passado. Trata-se de uma moto elétrica com um arranjo de baterias cilíndricas ao estilo V8 (duas bancadas com quatro cilindros), que toma como base o visual da moto V8 de 1907, com a qual o criador da marca Glen Curtiss foi recordista, a 218 km/h, na Califórnia (EUA). Espera-se que a novidade chegará às lojas dos EUA em 2020, por US$ 75 mil (R$ 286 mil).




A nova moto elétrica desenvolve um total de fortes 217 cv e 20,32 kgfm, desenvolvidos com a empresa de engenharia britânica YASA. Com materiais de alta qualidade e montagem artesanal, a proposta seria a de fazer um projeto que oferecesse conforto, desempenho e rebeldia. “planejamos criar a motocicleta mais luxuosa do mundo", explicou o CEO da Curtiss, Matt Chambers.



Ainda segundo a Curtiss , ao utilizar sistemas de regeneração de energia, a novidade é capaz de percorrer um total de 280 km antes de precisar procurar qualquer posto de recarga para equilibrar potência e alcance, pretendemos fornecer uma autonomia de 280 quilômetros. Ainda não há nenhuma confirmação sobre o tempo de carregamento os demais números de desempenho.

Postar um comentário

0 Comentários