Dia da Inovação no solo de Charrúa

Epicentro latino-americano uruguaio para falar sobre energias renováveis.

Foto: Wikimedia Commons / Desi burgos

Com o apoio da Agência Internacional de Energias Renováveis (IRENA sigla), o Ministério da Indústria, Energia e Mineração do Uruguai e do Escritório de Infra-estrutura da Suécia, foi inaugurado no país sul-americano Innovation Day um espaço para a troca de idéias entre especialistas e autoridades uruguaias com seus pares das nações vizinhas para falar sobre a geração de energia a partir de energias renováveis.

Olga Otegui, subsecretária de Indústria do governo anfitrião: "O intercâmbio nos permitirá tentar ver essas inovações emergentes, como elas podem nos inspirar e nos informar de alguma maneira para continuar no caminho dessa transformação e continuar incorporando a energia renovável".

Reunida como a que foi desenvolvida na última terça e quarta-feira, a IRENA organiza a cada dois anos na Alemanha, agora com o apoio do governo uruguaio, a agência internacional de energia organizou um workshop entre tomadores de decisão sobre soluções inovadoras para atingir 100% de energia proveniente de fontes renováveis.

Um dos temas relevantes do Dia da Inovação foi a descarbonização do setor elétrico global, o que está de acordo com os objetivos do Acordo de Paris da Organização das Nações Unidas.

Em uma das tabelas de análise foi enfatizado que o processo de descarbonização exigirá um aumento significativo de energias renováveis ​​na geração total até 2050.

Dentro de três décadas, energias limpas, como solar e eólica, representarão 60% da energia total gerada no mundo.

Postar um comentário

0 Comentários