Portugal perto de falhar metas de renováveis para 2020


Governo diz que há várias medidas em curso para “concorrer para o cumprimento da meta” de incluir 31% de renováveis no consumo final de energia. Produtores dizem que os objetivos só serão atingidos em 2021 e 2022. 

Foto REUTERS/SHENG LI

Os primeiros leilões de capacidade de injeção de energia solar que vão acontecer este mês serão um passo fundamental para o percurso que Portugal tem de fazer para cumprir as metas de energias renováveis até 2030 (47% da energia consumida deverá provir de fontes de produção renovável, face aos atuais 28%).

Postar um comentário

0 Comentários