Guatemala suspende leilão de projeto solar de 110 MW

Por meio do concurso, a Inde procurou concluir a construção de cinco usinas fotovoltaicas nos municípios de Jutiapa, Zacapa, El Progreso e Santa Rosa através de um investimento entre 100 e 120 milhões de dólares.

Imagem: Kaufdex, pixabay

O Conselho de Licitação da empresa estatal de energia da Guatemala, o Instituto Nacional de Eletrificação (INDE), anunciou que suspendeu o leilão de um projeto solar de 110 MW lançado em maio .

Conforme relatado pelo portal Prensa Libre, as duas propostas apresentadas para o concurso foram desclassificados por não cumpriu r com os requisitos estabelecidos na licitação. Os dois concorrentes são Total Eren Guatemala, SA e Corporación Klondike, SA O primeiro é uma subsidiária da Total Eren da França, que também é subsidiária da empresa de petróleo Total, enquanto o segundo é subsidiária da empresa norueguesa Scatec Solar.

O leilão do projeto, que agora foi qualificado como “não concedido”, foi criticado pelo Comitê Coordenador das Associações Agropecuária, Comercial, Industrial e Financeira (Cacif) e pelo partido Encuentro por Guatemala (EG), que apresentou uma denunciar perante as autoridades guatemaltecas.

Por meio do concurso, a Inde procurou concluir a construção de cinco usinas fotovoltaicas nos municípios de Jutiapa, Zacapa, El Progreso e Santa Rosa através de um investimento entre 100 e 120 milhões de dólares.

Postar um comentário

0 Comentários